Yom Hazicaron


“Aqueles que nascem morrem; aqueles que estão mortos vivem; e os vivos são julgados. Para que se saiba, faça conhecer, e tome consciência de que Ele é D’us, Ele é o que formou, Ele é o Criador, Ele é o Discernidor, Ele é o Juiz, Ele é a Testemunha, Ele é o Litigante, Ele futuramente julgará. Bendito seja Ele, diante de quem não há iniqüidade, nem esquecimento, nem parcialidade, nem toma suborno; tudo é dele e que se saiba que tudo é segundo [seus] cálculos…” Pirkei Avot 4:22 (Versão haRambam 4:28)

——————————————–

Explicação de Rambam

1.”saiba, faça conhecer, e tome consciência” – que Ele é D’us; 2.”nascem morrem; aqueles que estão mortos vivem” – que se saiba que se nascerá e em determinado momento morrerá e que viverão depois da morte;

3. se aprende dessas três coisas que Ele é o Formador e Criador;

4. “Ele é o Juiz e futuramente julgará” – que Ele julga a seu tempo todos os vivos e os mortos e nos demais assuntos [e questões] do mundo. Ele também julgará aqueles que estiverem no Mundo Vindouro para recompensa ou castigo;

5. “nem toma suborno” – Devarim 10:17. Não faz parte dEle. Não toma suborno para fraudar o julgamento pois é impensável e longe de Hashem Itbarach, algo que não se pode existir e nem imaginar. Como se poderia subornar? Com quê subornar? Porém, qual a questão? Que Ele não toma bondades por suborno. Como se fizesse o homem mil bondades e um pecado, Hashem Itbarach não perdoará este pecado frente as muitas bondades, e não tomará das mil bondades nem uma ou mais; mas punirá segundo o pecado cometido e recompensará por todas as bondades.

————————————————–

Nos é difícil aceitar e entender quando nossos parentes se vão deste mundo. Maior ainda quando a inconformidade vem por causa de uma tragédia forçada pela injustiça. Nenhuma guerra é justa. Porém justificável.

Nosso jovens soldados e grandes heróis que caíram na batalha pela força do povo judeu de viver e seguir existindo e para manter a existência do Estado de Israel, o único lugar onde podemos dizer que é nosso.

Nesta data, 4 de Yiar, lembramos nossos soldados e as vítimas do terror. Que Hashem console as famílias e que possamos aprender deles o valor de amar seu povo e sua terra.

Anúncios


Categorias:Curiosidades, emuná, Festas

Etiquetas:, ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: