Purim dos Anônimos


Próxima Quinta e Sexta-feira estaremos comemorando a festa de Purim. Festa que lembra o decreto de extermínio de todos os judeus que habitavam o império de Achasverosh, que se estendia desde Índia até África, 120 países.

Saiba o Valor do Meio Shekel para o ano 2018. Click Aqui!

A partir dos eventos acontecidos em Shushan, capital do Império, o povo judeu começou a entender que o Eterno também administra o mundo e os protege sem a necessidade de milagres e profetas. Para nos ensinar isso é que a Meguilat Ester (o livro de Ester) não contém nenhuma menção do nome de Hashem. Como está escrito na Torá em Devarim 31:18:

03_ex_passuk_devarim_31_18

Este é o maior nível de fé que o povo hebreu pode alcançar. Mesmo em nossos dias muita gente não é capaz de ver a mão de D’us regendo o mundo. Buscam todo o tipo de explicação para desconsiderar que há providência divina que faz com que Israel seja destaque nas notícias em todo o mundo. Não há quem nunca tenha escutado de Israel nas notícias. Faltam países em conflito? Não, mas Hashem faz com que os olhos do mundo inteiro estejam sobre Israel porque de lá se revelará o Mashiach e a redenção.

Meguilat Ester Ashkenaz

Meguilat Ester escrita Beit Yossef Kesherá, 21 linhas 28cm em pergaminho. Meguilá kesherá para leitura pública na sinagoga. Apenas uma em estoque. Consultar disponibilidade pelo e-mail info@caferambam.com antes de executar a compra. PREÇO NÃO INLCUI ENVIO.

R$3.500,00

Como é sabido, todas as festas que celebramos estão cheias de rituais que nos fazem relembrar os momentos vividos quando ocorreram os fatos. Em Pessach molhamos carpás em água com sal para lembrar as lágrimas derramadas no Egito. Em Shavuot comemos lácteos para recordar que ao receber a Torá ainda não sabíamos as leis de shechitá portanto não poderíamos comer carne. Em Sucot vivemos em uma sucá (tarbenáculo) que nos lembra a temporalidade de nossas vidas, porém sempre baixo da proteção divina, como foi no deserto.

oorah-13Em Purim lemos a Meguilá, que relata os fatos que comemoramos, nos mesmos dias em que aconteceram os eventos. Nos fartamos em uma seudá assim como fizeram Ester e Mordechai celebrando a vitória. Enviamos Mishloach Manot porque na festa dada pelo rei Achasverosh cada um se sentiu importante e privilegiado por comer no banquete do rei, com os mishlochei manot diminuímos nossa altivez e compartilhamos nossa comida.

Uma outra maneira de recordarmos os eventos é a entrega de presentes para os pobres. Trata-se de um presente, dinheiro ou uma refeição ou comida a pelo menos dois pobres para que participem da festa e celebrem a salvação. Mas há algo mais nesta mitzvá que aprendemos de Rambam:

“É bom que as pessoas aumentem nos presentes aos pobres do que na seudá ou nos mishlochei manot aos amigos. Pois não há alegria maior e mais especial que alegrar o coração do pobre, do órfão, da viúva e do estrangeiro. Aquele que alegra o coração desses fragilizados se iguala a Shechiná como está escrito: “para vivificar o espírito dos abatidos e vivificar o espírito dos entristecidos (Yeshaiahu 57:15)” Leis de Meguilá e Hanuká 2:16

Estes pobres vivem na espera que um desconhecido se apresente diante deles e os ajude com suas necessidades. Nesta ação não há qualquer notoriedade ou benefício para quem ajuda. Em anonimato se leva alívio ao sofrimento de um desconhecido. Quando ajudamos os pobres em Purim estamos nos lembrando que Hashem nos ajudou, porém de uma maneira que não pudemos reconhecê-lo. O povo judeu não sabia que Hashem estava a seu favor pois toda a trama se passava no palácio longe dos olhos do povo que apenas rezava e jejuava pedindo a salvação. 141859143172

Muito mais valorosa a ajuda ao necessitado que os banquetes comunitários. Neste Purim tente ao menos diminuir um alimento em suas fartas cestas para agregar um pouco mais aos necessitados.

Desde já, Purim Sameach!

lojinha

Anúncios


Categorias:Curiosidades, Festas, Leis

Etiquetas:, , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: